What's New!

Chat with
Hackers

How to Defend
Your Computer 

The Guides
to (mostly) 
Harmless Hacking

Happy Hacker 
Digests (old stuff) 

Hacker Links 

Hacker
Wargames 

Meet the 
Happy Hacksters 

Help for 
Beginners 

Hacker 
Bookstore 

Humor 

It Sucks 
to Be Me!

How to Commit
Computer Crime (not)! 

What Is a 
Hacker, Anyhow? 

Have a 
Great Life! 

News from the 
Hacker War Front

GUIA PARA HACKING (essencialmente) INOFENSIVO, Série para Principiantes, #1

GUIA PARA HACKING (essencialmente) INOFENSIVO Série para Principiantes #2, Secção I

GUIA PARA HACKING (essencialmente) INOFENSIVO Série Para Principiantes #2, Secção 2

GUIA PARA HACKING (essencialmente) INOFENSIVO Série para Principiantes #2, Parte 3

GUIA PARA HACKING (essencialmente) INOFENSIVO Série para Principiantes #5

___________________________________________________________

GUIA PARA HACKING (essencialmente) INOFENSIVO

Série para Principiantes, #1

Então queres ser um hacker inofensivo?
_____________________________________________________________

"Quer dizer que pode-se hackar sem quebrar a lei?"

Esta era a voz de um caloiro do liceu. Ele tinha ligado para mim porque o seu pai tinha acabado de lhe tirar o computador. A sua ofensa? Entrar na minha conta de Internet. O rapaz queria impressionar-me e mostrar que era fixe. Mas antes de me ter apercebido que ele tinha conseguido entrar, um administrador de sistema do meu ISP (Internet Service Provider) tinha-se dado
conta das explorações inofensivas do miúdo e alertado os pais. Agora ele queria a minha ajuda para ficar online de novo.

Eu disse ao miúdo que compreendia o pai. E se o administrador de sistemas e eu fossemos grandes resmungões? Este miúdo podia ter acabado na detenção juvenil. Eu não concordo em pôr hackers inofensivos na cadeia, e nunca teria testemunhado contra ele. Mas isso é o que algumas pessoas fazem a outras que metem o nariz nos computadores dos outros. Mesmo quando o culpado não causa danos. Este rapaz precisa de aprender como se manter longe dos sarilhos!

Hacking é o jogo mais excitante do planeta. Mas pára de ser divertido quando se acaba numa cela com um colega de quarto chamado "Spike". Mas hackar não quer dizer quebrar a lei. Neste livro nós ensinamos hacking seguro para que não tenhas de olhar sobre o ombro continuamente, à procura de polícias.

Nós estamos a falar sobre hacking como uma recreação saudável, e como uma educação grátis que pode qualificar-te para um emprego com um ordenando elevado. De facto, muitos administradores de sistemas de redes, cientistas informáticos e peritos em segurança informática começaram a aprender a sua profissão, não num curso de uma universidade, mas através da cultura hacker. E podes ficar surpreendido ao descobrir que, no final de contas, a Internet é guardada não por agências da lei, não por corporações gigantes,
mas por uma rede mundial de, sim, hackers.

Tu também podes tornar-te um de nós.

E -- hackar pode ser surpreendentemente fácil. Ha, se eu consigo fazê-lo tu também consegues.

Independentemente do porque é que seres ser um hacker, é definitivamente uma maneira de te divertires, impressionar os teus amigos, e marcar encontros. Se és uma hacker feminina tornas-te totalmente irresistível para os homens. Acredita em mim!;^D

Estes GUIAS PARA HACKING (essencialmente) INOFENSIVO podem ser a tua entrada para este mundo. Depois de ler apenas alguns destes guias serás capaz de fazer coisas que serão legais, divertidas, e que irão impressionar muito os teus amigos.

Estes Guias podem equipar-te para te tornares num dos vigilantes que impede que a Internet seja destruida pelos maus. Especialmente os spammers. Ha, ha, ha. Também podes aprender como impedir que os maus mexam na tua conta de Internet, email e computador. Irás aprender a não te assustares por hoaxes idiotas que alguns usam para manter o utilizador médio da Internet nervoso.

Se nos acompanhares durante cerca de um ano, podes aprender o suficiente e conhecer as pessoas na nossa lista de email e canal de IRC que podem ajudar--te a ser verdadeiramente um hacker de elite.

Contudo, antes de mergulhares na subcultura hacker, prepara-te para aquela atitude hacker. Foste avisado.

Então... benvindo à aventura hacking!

DO QUE PRECISO PARA HACKAR?

Podes perguntar-te a ti próprio se os hackers precisam de equipamento informático caro e uma prateleira cheia de manuais técnicos. A resposta é NÃO! Hackar pode ser surpreendentemente fácil! Melhor ainda, se souberes como procurar na Web, podes encontrar quase qualquer informação informática de graça.

De facto, hackar pode ser tão fácil que se tens acesso à Internet e
sabes enviar e ler emails, podes começar a hackar imediatamente. O Guia #2 da Série para Principiantes mostrar-te-á onde podes fazer o download de programas hacker-friendly para Windows que são grátis. E vamos mostrar-te alguns truques hacker fáceis de usar para os quais os podes utilizar.

Agora supõe que queres ser um hacker de elite? Tudo o que vais mesmo precisar é uma conta shell barata de um ISP. No Guia #3 da Série para Principiantes iremos dizer-te como conseguir uma conta shell, fazer o logon, e começar a jogar o melhor jogo na Terra: hackar com o Unix! Então, nos Volumes I, II, e III dos GPHEI podes começar a aprender a hackar com o Unix.

(Desculpem rapazes, quando isto foi escrito era fácil arranjar contas shell. Hoje em dia é mesmo difícil. Sugiro que arranjem o Linux em vez disso.)

Até podes conseguir fazer parte das fileiras dos Uberhackers sem ter de gastar muito dinheiro em equipamento informático. No Volume II apresentamos o Linux, o sistema operativo grátis e hacker-friendly. Até corre num PC com processador Intel 386 e 2 MB RAM! O Linux é tão bom que muitos ISPs usam-no para correr os seus sistemas.

(Nota: isto foi escrito em 1997. Esta parte sobre o Linux está desactualizada. Hoje deves comprar um PC com pelo menos 12 MB RAM e 500 MB no disco duro para correr o Linux. Felizmente, hoje em dia é mais fácil de instalar do que era em 1997. O Caldera Linux partilha o mesmo disco duro com o Windows e é tão fácil
de instalar quanto o Windows.)

No Volume III também apresentaremos o Perl, a linguagem de programação shell adorada pelos Uberhackers. Até vamos ensinar alguns exploits mortíferos que correm em Perl para Linux. OK, podias usar a maior parte destes exploits para fazer coisas ilegais. Mas só são ilegais se as utilizares contra o computador de outra pessoa sem a sua permissão. Podes executar qualquer programa neste livro no teu próprio computador, ou no computador de um amigo teu que te dê permissão - se te atreveres. Agora, a sério, nada neste livro causará danos ao teu computador, a não ser que o faças de propósito.

Também abriremos o portão para um underground espantoso onde podes estar ao corrente de quase todas as descobertas de falhas na segurança informática. Podes aprender a explorá-las ou então a defender o teu computador contra elas!

SOBRE OS GUIAS PARA HACKING (essencialmente) INOFENSIVO

Nós temos notado que existem muitos livros que exaltam os hackers. Ao ler estes livros pensarias que é preciso muitos anos de trabalho brilhante para te tornares um. É claro que nós, os hackers, adoramos perpetuar este mito porque nos faz parecer incrivelmente fixes.

Mas quantos livros existem que dizem aos Principiantes, passo a passo, como é que se faz esta coisa do hacking? Nenhum. Já leste _Secrets of a superhacker_ by The Knightmare (Loomponics, 1994) ou _Forbidden Secrets of the Legion of Doom Hackers_ by Salacious Crumb (St. Mahoun Books, 1994)? Estão cheios de coisas vagas e desactualizadas. Por favor!?

E se vais a um dos fóruns de discussão de hackers na Internet perguntar como é que se faz uma coisa, alguns deles insultam-te e fazem pouco de ti. OK, TODOS eles fazem pouco de ti.

Vemos muitos hackers a fazerem-se de importantes, a serem misteriosos e a recusar ajudar outros a aprender a hackar. Porquê? Porque não querem que saibas a verdade, que a maior parte do que eles estão a fazer é realmente muito simples!

Bem, nós pensamos nisto. Nós também podíamos usufruir do prazer de insultar pessoas que nos perguntam coisas sobre hacking. Ou podíamos aumentar exponencialmente os nossos egos ao ensinar milhares de pessoas a hackar. Muhahaha.

COMO USAR OS GUIAS PARA HACKING (essencialmente) INOFENSIVO

Se sabes usar um computador e estás ligado à Internet, já sabes o
suficiente para começar a aprender a ser um hacker. Nem sequer precisas de ler cada Guia para te tornares num hacker.

Podes contar com que qualquer coisa nos Volumes I, II e III seja tão fácil que podes ler a partir de um sítio qualquer e seguir as instruções.

Mas se o teu plano é ser "elite", farás melhor se leres todos os Guias,
veres os muitos websites e fóruns de discussão para os quais te guiaremos, e encontrar um mentor entre os muitos talentosos hackers que participam no nosso fórum ou canal de IRC em www.infowar.com/, e na lista de email do HappyHacker(email com mensagem "subscribe").

Se o teu objectivo é ser um Uberhacker, os Guias acabarão por ser apenas a base de uma montanha de material que precisarás de estudar. Contudo, nós oferecemos uma estratégia de estudo que te pode ajudar na tua busca para chegar ao pináculo do hacking.

COMO NÃO SER APANHADO

Um ligeiro problema com o hacking é que, se passares do risco, podes ir para a cadeia. Faremos o nosso melhor para avisar-te quando descrevemos coisas que podem arranjar-te problemas com a lei. Mas nós não somos advogados ou peritos em ciberlei. Além disso, cada país tem as suas leis. E estas estão sempre a mudar. Por isso tens de usar um pouco de senso comum.

Contudo, temos um Guia sobre Lei de Crime Informático para te ajudar a evitar alguns precipícios.

Mas a melhor protecção contra ser apanhado é a Regra de Ouro. Se estás prestes a fazer algo que não gostarias que fosse feito a ti, esquece. Faz hacks que tornem o mundo um sítio melhor para viver, ou que, pelo menos, sejam divertidos e inofensivos, e deves conseguir manter-te fora de sarilhos.

Ou então, se tiveres uma ideia a partir dos Guias que te pode ajudar a fazer algo malicioso ou destrutivo, se fores o próximo hacker a acabar atrás das grades, o problema é teu. A lei não se vai importar se o tipo cujo computador destruiste estava a ser um idiota. Não se vai importar se a corporação gigante cuja base de dados roubaste despediu o teu amigo. Apenas se importará com o facto que quebraste a lei.

Para algumas pessoas pode parecer divertido tornar-se uma sensação nacional na mais recente histeria sobre hackers maliciosos. Mas depois do julgamento, quando um certo leitor destes Guias acabar por ser a "namorada" relutante de um condenado chamado Spike, quão feliz o farão os seus recortes de jornais?

CONVENÇÕES USADAS NOS GUIAS

Nota do tradutor - na versão original (na língua inglesa) destes Guias são muitas vezes usados termos como "phun" (fun significa divertido ou divertimento) ou "kewl" (cool significa fixe), cujo som, quando pronunciadas, se assemelha ao som das palavras dentro dos parêntesis. Estes fazem parte da gíria hacker utilizada pelos hackers para comunicarem entre si. Para facilitar a tradução destes Guias, não farei uso destes termos.

QUEM ÉS TU?

Nós fizemos algumas suposições acerca de quem tu és e porque é que estás a ler estes Guias:

- tens um PC ou um Macintosh;
- estás ligado à Internet;
- tens sentido de humor e queres exprimi-lo através do hacking;
- ou queres impressionar os teus amigos e engatar miúdas (ou gajos) fazendo-os pensar que és um Génio do Mal.

Então, este perfil corresponde ao teu? Se sim, OK meu, liga o computador.Estás preparado para hackar?

_________________________________________________________
Junta-te à nossa lista de email enviando um email para com a mensagem "subscribe".
Queres partilhar algo com a lista HappyHacker? Corrigir erros? Envia as tuas mensagens para . Para enviar email confidencial (por favor, nada de discussões sobre actividades ilegais) usa carolyn@cmeinel.com e diz na tua mensagem que queres mantê-la confidencial. Se queres a tua mensagem publicada anonimamente, por favor, di-lo. Envia as críticas para dev/null@cmeinel.com. © 1997 Carolyn P. Meinel. Podes enviar ou publicar no teu site este GPHEI desde que deixes esta nota no fim...
________________________________________________________

Carolyn Meinel
M/B Research -- The Technology Brokers

Spammer - indivíduo que envia muitas mensagens não solicitadas por email na Internet ou para uma grande quantidade de fóruns.

Hoax - programa não destrutivo que tem o objectivo de enganar ou assustar as pessoas.

*****************************************************
Traduzido por Rui Rodrigues. Homepage: nav.to/ruirodrigues
Eu sou estudante universitário, não tenho muitos recursos e ainda menos tempo. Se gostaste de ler este Guia na tua língua e gostavas que eu continuasse a traduzir os restantes Guias, por favor manda um donativo para:
Rui Rodrigues
Residência Universitária de Santa Tecla
Quarto 415, Bloco B
4710-322 Braga
Portugal
Obrigado.
*****************************************************


Carolyn's most
popular book,
in 4th edition now!
For advanced
hacker studies,
read Carolyn's
Google Groups
Subscribe to Happy Hacker
Email:
Visit this group


 HOME | THE HAPPY HACKER BOOK | HACKER WARGAMES
GUIDES TO (MOSTLY) HARMLESS HACKING
THE HAPPY HACKER BOOKSTORE | HACKER LINKS
NEWS & VIEWS
CONTACT US | WEBMASTER

Return to the index of Guides to (mostly) Harmless Hacking!

 © 2013 Happy Hacker All rights reserved.